Entrevista de Emprego tem algumas etapas

Fazer uma entrevista de emprego não é tarefa das mais fáceis, principalmente porque não é algo que fazemos com muita frequência (espero sinceramente que não).

Talvez algumas dicas possam ajudá-lo nessa tarefa. Para ser mais didático, vou dividir a entrevista em etapas, que são as seguintes:

1ª Etapa – Em Casa

Na verdade, a entrevista de emprego começa muito antes do candidato chegar a empresa para ser entrevistado. Começa em casa. Conhecer a empresa, seus produtos ou serviços o ajudará na hora da entrevista, pois falando sobre alguns aspectos da empresa o candidato mostra ao entrevistador que se preocupou em conhecê-la. E hoje, com a internet, não é muito complicado levantar dados sobre qualquer empresa.

Conhecer bem a localização do local da entrevista e como chegar até lá, seja de carro ou transporte público, é outra preocupação do candidato. Calcular quanto tempo levaria para ir até lá para saber com que antecedência sair é muito bom, para evitar o maior erro que um candidato pode cometer: chegar atrasado na entrevista. Isso, para alguns entrevistadores, é imperdoável. E não adianta o candidato colocar a culpa no trânsito, pois o entrevistador sabe que ele que mora em São Paulo e que deveria saber que diversos problemas de trânsito são comuns. É melhor esperar no local da entrevista do que sair em cima da hora e um imprevisto possa acontecer e fazer com que perca o horário.

Escolher uma roupa adequada ao ambiente da empresa (ele já sabe um pouco dela pela internet). Não ousar na vestimenta, porque não é o momento. Roupas tradicionais sempre deixam o candidato mais à vontade e ele estará bem em qualquer ambiente, mas é melhor não usar aquela gravata com os desenhos do Mickey e Pateta que foi comprada na última viagem à Disneyworld talvez não seja a ideal. Não esquecer que a primeira boa impressão é muito importante.

 

 Etapa – Começando a entrevista

É de bom tom esperar que o entrevistador estenda a mão para então o candidato estender a sua e cumprimentá-lo. Tem pessoas que não gostam de apertar a mão de outras pessoas. Portanto, sempre é bom esperar que ele tenha a iniciativa. Ao cumprimentá-lo, o candidato deve olhar nos olhos do entrevistador e apertar a mão com certa firmeza, não fazendo aquela famosa “mão de alface” (o pessoal do futebol sabe o que é isso), mas também não “quebrando os ossos” da mão do entrevistador.

Ao se dirigir ao entrevistador o candidato deve sempre chamá-lo de senhor ou senhora, mesmo ele sendo mais moço. Só chamá-lo de “você” se ele dispensar esse tratamento mais formal. Ao sentar ficar confortável. Não sentar na ponta da cadeira mostrando ansiedade, nem se esparramar à vontade como se estivesse no sofá de casa vendo TV.

3ª Etapa – Durante a entrevista

Não responder apenas sim ou não às perguntas feitas pelo entrevistador. Procurar dar um pouco de conteúdo às respostas, mas também não se estender muito. Não esquecer que quanto mais se fala mais se pode errar e mais dar “munição” para o entrevistador.

Responder o que foi perguntado, não desviar o assunto, manter a fisionomia tranquila e nada, mas nada mesmo, de piadinhas ou coisas engraçadas. Fazer graça nessa hora pode ser o candidato assinar sua sentença de morte, a não ser que ele esteja se candidatando ao cargo de comediante.

Se tiver alguma dúvida fazer perguntas, não deixar para depois. Se a dúvida for sobre salário, benefícios etc. Não deixar para depois. Nada pior do que o candidato descobrir que alguma coisa não lhe agrada ou que não foi dito quando já está admitido. Pode perguntar inclusive sobre como é o estilo do seu gestor, se está substituindo alguém e, se sim, porque ele saiu.

Uma coisa importante: nunca, mas nunca mesmo, mentir, não só no currículo como na entrevista. E também não é bom contradizer o entrevistador. Não é necessário concordar com tudo que ele fala, mas também não é preciso dizer que ele está errado, porque isso criaria um clima antipático entre os dois.

4ª Etapa – Encerrando a entrevista

Esperar que o entrevistador indique, de alguma maneira mais ou então menos sutil, que a entrevista terminou. Verificar quais são os próximos passos do processo no qual será envolvido, agradecer a oportunidade e a atenção dispensada e despedir-se.

E agora é esperar e…..boa sorte!

 

Categories: Carreira,todas

Leave A Reply

Your email address will not be published.


*