Mais do que Cliente, um Torcedor

Por Luiz Eduardo Gasparetto

Basta o time estar mal colocado na classificação e lá vem reclamação.

Ele reclama para corrigir, para melhorar, jura que nunca mais vai assistir a um jogo, mas no próximo estará lá na arquibancada, torcendo e vibrando pelo time e por mais uma vitória.

Mas experimente você, que não é torcedor desse mesmo time, falar mal dele. Falar mal dos jogadores, do técnico. O torcedor vira bicho. Ele não admite que outro, que não um torcedor do seu time, faça qualquer crítica ou comentário desabonador. Muitas vezes quer até brigar com quem ele já considera um desafeto.

E por que isso? Por que ele não admite críticas de outro que está falando exatamente o que ele estava falando? Bem, ele não admite porque ele é um torcedor, aquele é seu time, ele torce para ele. Se sente no direito de criticar, mas não admite que outro faça o mesmo.

Assim é o torcedor.

Agora imagine uma empresa que não tem clientes, mas torcedores. Essa é a sugestão: fazer tudo para transformar o cliente em torcedor. Quando a empresa consegue isso ela conquistou, definitivamente, esse cliente. Ele pode reclamar, achar ruim de alguma coisa, mas vai estar sempre presente, prestigiando.

Para transformar cliente em torcedor procure conhecer as suas necessidades, treine a equipe par atendê-lo bem, ofereça algo que ele não espera, surpreenda-o, faça um ótimo pós venda, e verá o cliente se transformar em torccedor.

E ai você o conquistou para sempre.

Categories: Atendimento, todas

Leave a Reply


*