O Vagalume e a Cobra

Era uma vez uma cobra que começou a perseguir um vagalume que só vivia para brilhar.

Ele fugia rápido com medo da feroz predadora e a cobra nem pensava em desistir.

Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada… No terceiro dia, já sem forças, o vagalume parou e disse à cobra:

– Posso fazer três perguntas?

– Não costumo abrir esse precedente para ninguém, mas já que vou te comer mesmo, pode perguntar…

– Eu pertenço a sua cadeia alimentar?

– Não.

– Eu te fiz alguma coisa?

– Não.

– Então por que você quer me comer?

– PORQUE NÃO SUPORTO VER VOCÊ BRILHAR.

Esta estória é muito conhecida e sua moral é que algumas pessoas são como a cobra. Não procuram valorizar seus pontos positivos, as suas vitórias e conquistas, mas se mordem de inveja das conquistas e vitórias dos outros. É uma inveja negativa, que não ajuda em nada no crescimento e desenvolvimento da pessoa.

É mais ou menos assim.

Seu vizinho compra um carro novo e você pensa: “vou trabalhar muito, estudar mais, crescer profissionalmente, melhorar meu salário e também vou comprar um carro novo.”

Esta é uma inveja que o ajuda a crescer. Podemos dizer que é uma inveja positiva, porque é desafiadora.

Seu vizinho compra um carro novo e você pensa: “tá vendo, de onde será que veio o dinheiro para comprar esse carro? Deve estar metido em alguma negociata. Não tem nem dinheiro para por gasolina e fica fazendo pose com esse carro. Nem para fazer seguro. Vão roubar esse carro e aí eu quero ver só.”

Percebeu a diferença. Esta é uma inveja ruim, que faz mal, nos leva para baixo. Que deixa a pessoa amargurada e não a estimula para uma ação positiva.

Invejar positivamente nos desenvolve, invejar negativamente nos faz ficar no mesmo lugar.

Categories: Carreira, todas

Leave a Reply


*