POSUGF entrevista Luiz Eduardo Gasparetto-Gerações X e Y

A Pós Graduação da Universidade Gama Filho preparou um bate-papo com o professor Luiz Gasparetto, o tema da nossa entrevista: O papel do gestor e os conflitos de gerações X e Y.

Selecionamos os principais trechos:

“È preciso que essas duas gerações tenham uma convivência, mas com o mesmo foco, mesmo objetivo que é atingir os objetivos da empresa. Nem sempre isso acontece.

Porque essas gerações foram criadas de maneiras diferentes, enquanto a geração X é uma geração criada dentro da empresa, do trabalho, para respeitar o chefe, para permanecer muito tempo dentro da empresa, a geração Y, não tem essa mesma cultura, então para que haja a boa convivência é preciso em primeiro lugar um respeito por parte tanto do X quanto do Y”.

Sobre a empresa manter um talento da geração Y, o professor cita a importância do desafio para esse profissional:

“Foi feito uma pesquisa, não muito tempo que mostra que 48% dos integrantes da geração Y não querem fazer carreira na empresa isto é, eles querem procurar diversidade, querem aprender várias coisas. Então não é fácil para a empresa manter a geração Y, mas é preciso fazer esforços nesse sentido, uma das maneiras é criando desafios”.

Abordamos de que maneira o gestor/ empresa pode conviver e equilibrar as perspectivas dessas duas gerações:

“Uma das maneiras é dando oportunidade que as duas falem, isto é escutar a voz das duas. A empresa não pode considerar que a geração X apenas é aquela geração que tem voz ativa na empresa e também não pode achar que agora a geração Y é a grande solução para todos os problemas”.

Para conferir nosso bate-papo na íntegra, acesse:

Entrevista sobre Geração X e GeraçãoY

Categories: Gestão, todas

Leave a Reply


*